quarta-feira, abril 11, 2018

Varzim SC 0-1 Ac. Viseu FC

Varzim SC 0-1 Ac.Viseu FC
O Académico venceu esta tarde, na deslocação à Póvoa de Varzim por 0-1, fruto de um golo de Barry. Vitória esta que nunca tinha acontecido na história viseense. 

O mister Manuel Cajuda surpreendeu com algumas alterações no onze inicial:
Peçanha, João Mário, Bura, Fábio, Bruno Miguel, Lucas, Capela, Zé Paulo, Sandro Lima, Barry e NSOR. Entraram ainda: Paná, Avto e Joel

Num esquema ainda não visto esta temporada, mas que resultou em pleno, o Académico jogou com três centrais, João Mário e Lucas ficaram responsáveis pelos flancos direito e esquerdo, respetivamente. Zé Paulo e Capela lado a lado, no meio campo. Sandro Lima no vértice mais ofensivo do meio-campo, no apoio aos pontas de lança NSOR e Barry.


Foi uma primeira metade repartida a que se assistiu. Rúben Macedo para o lado varzinista -ao qual Peçanha respondeu com mestria- e NSOR para os academistas, dispuseram das melhores oportunidades de golo do primeiro período. Fábio Santos ainda na primeira parte saiu lesionado. Paná entrou para o seu lugar, fazendo recuar Capela para central.
Nos primeiros minutos da segunda parte, o Académico entra melhor e chega ao golo. Pontapé de canto superiormente batido por Lucas e, Barry oportuno de cabeça, fazia mais um golo para a sua conta pessoal e oferecia os três pontos para todos os viseenses. Minuto 51 da partida. 
Poucos minutos depois, o caso que mexeu com a partida, Capela –que toda a segunda metade trocara com Zé Paulo a posição no terreno- ultrapassa em velocidade vários adversários e é carregado (indiscutível a falta perigosa e o duplo amarelo(?) a Mário Sérgio). No mesmo lance aparece Sandro Lima caído, por alegada agressão de Estrela (que também recebeu ordem de expulsão). Contra 9 elementos, a verdade é que o jogo esteve longe de ser fácil, e não fosse Peçanha brilhar já nos descontos, o resultado poderia ser outro. O Académico dispôs de algumas situações para acabar com as dúvidas quanto ao vencedor, mas o segundo golo não foi possível. 0-1 foi o resultado final.


O Académico de Viseu vence assim numa deslocação sempre complicada e onde nunca tinha sequer vencido, no seu historial. Com este resultado alcançado, e com empates de Santa Clara, Arouca e Penafiel, os viseenses encontram-se a 2 pontos da zona de subida. O líder Nacional venceu o dérbi da madeira e encontra-se a 8 pontos.
O repto é só um: DOMINGO TODOS AO FONTELO para a recepção ao União da Madeira (15h). Parabéns ACADÉMICO!!

5 comentários:

Anónimo disse...

Já está!!!!
O brilhante Académico de fora de casa voltou a atacar e somou os três pontos!
Na próxima jornada vai ser sofrer até dizer chega porque é jogo em casa.
Estamos a DOIS pontos da subida!!!! DOIS PONTOS!

Malta, é altura de ENCHER O FONTELO!

Vamos comparecer e levar um amigo connosco! Temos de empurrar o Académico para a vitória, custe o que custar!

ACADÉMICO!!!!

quarta-feira, 11 abril, 2018
Anónimo disse...

é altura de todos fazermos uma reflexão e percebermos onde estávamos há pouco mais de uma década depois de termos colapsado, caído no abismo. Uma pessoa foi o responsável por hoje termos o Académico, o nosso clube de sempre a lutar pela subida à 1ª Divisão, o Sr. António Albino que pegou no Clube nos distritais e ano após ano, época após época, conseguiu colocar-nos a sonhar, sim, o sonho está vivo, ninguém julgaria possível que quase 30 anos depois e com o que nos aconteceu pelo meio, a 5 jornadas do fim, haja uma janela de oportunidade para uma subida à 1ª Liga, incrível. Foi um caminho longo, muito árduo, muito, muito, mesmo muito complicado, com alguns revés grandes pelo meio, um dos maiores o que nos aconteceu esta época quando tentaram tomar de assalto o Académico e vender de qualquer maneira o nosso querido Clube, mas uma vez mais o Sr. António Albino mostrou o seu carácter o seu Academismo e aguentou o Académico em mãos de Academistas, impediu que algo parecido com aquilo que fomos vendo por esse pais e mundo fora, pudesse acontecer, um novo colapso do Académico e desta vez irreversível.

O Caminho está feito, mas não está completo, por isso, é hora de TODOS, TODOS, TODOS, todos mesmo perceberam a importância do momento e todos, todos, todos, tÊm de dizer presente, não custa nada, é a parte fácil, ir ao Fontelo e fora, faltam apenas 5 jogos e APOIAR, APOIAR, APOIAR muito pois temos uma oportunidade que há quase 3 décadas não ocorria, temos de TUDO FAZER para a aproveitar.
É fácil? Não, não é fácil.
É possível? Sim, é possível, mas para isso, temos de ter o melhor Académico da época em todos os jogos, o melhor apoio da época em todos os jogos, os maiores Academistas em todos os jogos, os Academistas de apenas este ano, não faz mal, ainda vêm a tempo, TODOS, TODOS, TODOS, somos precisos e todos cabemos no Fontelo, pois é um Estádio grande, bonito, airoso, e agora em tempo de primavera, magnífico!

Vem ao Fontelo APOIAR o Académico!

Sê Sócio e traz um amigo!


Carlos Silva

quarta-feira, 11 abril, 2018
--FD disse...

Ainda não dependemos apenas de nós para o grande objectivo mas estamos numa fase em que ainda podemos sonhar. Há quantos anos não chegávamos a cinco jornadas do fim do campeonato com o sonho ainda bem vivo? Independentemente da classificação que obtivermos penso que esta época foi positiva, há dois anos que chegávamos a esta fase aflitos para conseguir a... manutenção.

Acho que não é altura de nos massacrarmos a pensar nos pontos que desperdiçámos (se calhar os pontos que perdemos foram o tónico para conseguirmos matar a quantidade incrível de "borregos" que temos vindo a matar).

No próximo domingo é muito, muito, muito importante a vitória. Há que dar confiança à equipa (até podia ser interessante a direcção pensar em alguma medida para aumentar o número de espectadores) e acredito que podemos encurtar ainda mais a distância!

Faltam cinco verdadeiras finais. Duas destas finais são contra adversários directos (Penafiel e Santa Clara) o que quer dizer que das equipas que neste momento precisamos de ultrapassar só não vamos jogar contra o Arouca que está a um ponto (na prática dois porque têm vantagem no confronto directo).

Força Académico!
EU ACREDITO!

quinta-feira, 12 abril, 2018
Anónimo disse...

Domingo é dia de Académico!
Todos os caminhos vão dar ao Fontelo e todos somos poucos para a tarefa que temos pela frente nas 5 finais que temos.
Precisamos de empresas que comprem os lugares no estádio e ofereçam os bilhetes a empregados, a escolas, a todos os beirões e viseenses que queiram ir apoiar o Académico.
Basta que haja empresas que comprem 10 ou 20 entradas. Muitos clubes vivem disso. Fazem boas receitas e têm pessoas a assistir aos jogos.

quinta-feira, 12 abril, 2018
Paulo Teixeira disse...

7 vitórias fora!!!!!, a ultima subida á primeira foram 7 as vitórias fora mas em casa foram 19 as vitórias , mas 7 vitórias fora é obra como já disseram anteriormente não vale a pena pensar naquilo que deviamos ter feito em casa agora é hora de juntarmos esforços e puxar pela equipa, faltam 5 jogos e se ganharmos os 5 jogos vamos subir quase de certeza disso não tenho duvidas fazemos 69 pontos, Santa Clara se ganhar 4 jogos e perder connosco faz 68, Penafiel se ganhar 4 e perder connosco faz 67, Academica se ganhar os jogos todos tambem faz 69 só que em caso de igualdade o Académico tem vantagem direta e falta o Arouca o nosso calcanhar de aquiles pois se vencerem os jogos todos fazem 70 e ultrapassam toda a concorrência!
Mas importante é mesmo vencer os 5 jogos que faltam e esperar que o Arouca perca ou empate 1 e no dia 12 de Maio fazer a festa.
FORÇA ACADÉMICO!


Paulo Teixeira

quinta-feira, 12 abril, 2018